PUBLICIDADE GOV MA

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Corpo em estado de decomposição é encontrado em São Raimundo das Mangabeiras



O corpo de Sérgio Marques da Silva, de 36 anos, conhecido como “Sérgio do Leocádia”, foi encontrado na manhã desse domingo, 24, em um matagal próximo ao bairro Palmeiras, em São Raimundo das Mangabeiras. Sérgio residia no Bairro São José e estava desaparecido desde quarta-feira, 20. O corpo tinha uma perfuração ocasionada por arma branca. Um suspeito,  que não teve sua identidade revelada, foi conduzido à delegacia e foi liberado após ser ouvido.

Segundo populares e familiares, Sérgio foi visto pela última vez em companhia do suspeito, nas proximidades do ocorrido. Foi encontrado no local do crime, pela irmã da vítima, um boné, que segundo ela é desse suspeito. A delegacia de polícia civil investigará o caso.


Com informações e fotos do site Diário de Balsas

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Candidatos a prefeito de Mangabeiras poderão gastar até 277 mil reais na campanha


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta quarta-feira, 20, os limites de gastos de campanha que poderão ser feitos por candidatos a prefeito e a vereador nas eleições deste ano. A informação foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico. Em São Raimundo das Mangabeiras o valor ficou em R$ 277.236,40 para o cargo de prefeito e R$ 10.803,91 para o cargo de vereador. A cidade possui 14.592 eleitores aptos a votarem nestas eleições.

As regras para os limites de gastos estão previstas na Lei das Eleições. Na tabela publicada nesta quarta-feira estão os valores atualizados, que levam em conta a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Contratação

Além dos valores que podem ser gastos nas campanhas, os candidatos terão limites para a contratação de pessoal. De acordo com o TSE, a reforma eleitoral do ano passado estipulou os limites para a contratação direta ou terceirizada de pessoas para atividades de militância e também de mobilização de rua.

Disputa

A eleição em São Raimundo das Mangabeiras deverá ser disputada entre dois candidatos, Ítalo Cardoso (PSDB) e Rodrigo Coêlho (PCdoB).

Na última pesquisa realizada no município (VEJA AQUI), nos dias 05 e 06 de julho, realizada pelo Instituto Dados Pesquisa e Consultoria, de Goiânia (GO), Rodrigo Coêlho (PCdoB) apareceu com 50,99% de intenção de votos e Ítalo Cardoso (PSDB) com 29,56%. 16,49% Não Sabe/Não opinou e 2,96% disseram que não votariam em nenhum dos nomes.

Considerando apenas os votos válidos, Rodrigo tem 63,30% e Ítalo 36,70%. A pesquisa está registrada na justiça eleitoral com o protocolo/número de identificação: MA-07712/2016. Foram entrevistados 376 eleitores, tanto da zona urbana quanto da zona rural do município. O nível de confiança é de 95% e a margem de erro é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos.

Quanto à disputa para a câmara, informações de bastidores dão conta que poderá haver cerca de 60 candidatos disputando as 11 vagas, divididos em cerca de 3 coligações, duas do grupo político de Rodrigo e uma do grupo político de Ítalo.

Com Informações da Agência Brasil

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Polícia recupera produtos furtados de salão de beleza em São Raimundo das Mangabeiras


A Polícia Civil do Maranhão, por meio da delegacia de São Raimundo das Mangabeiras, através do trabalho de investigação do Escrivão Leandro e do delegado Périkles Lima, recuperou nessa quarta-feira, 13, produtos que haviam sido furtados de um salão de beleza durante a madrugada dessa terça, 12. A mercadoria está avaliada em mais de 4,5 mil reais. Uma bicicleta também foi recuperada.

Ninguém foi preso pelo crime. A polícia instaurou inquérito para investigar o caso.

Produtos para cabelo e uma bicicleta foram recuperados.
Com informações da Delegacia de Polícia Civil de São Raimundo das Mangabeiras

Polícia prende suspeito de tráfico e receptação no Morro do Chupé, em Mangabeiras


A Polícia Civil do Maranhão, por meio da delegacia de São Raimundo das Mangabeiras, com apoio da Polícia Militar, cumpriu mandado de Busca e apreensão no povoado Morro do Chupé nessa quarta-feira, 13, encontrando drogas e objetos oriundos de furtos na região. Na ocasião, houve a prisão em flagrante, por receptação e tráfico de drogas, de Neurivan Araújo do Nascimento.

Neurivan também é investigado por vários furtos na região, possuindo vários processos desta natureza, sendo conhecido no povoado por ser de alta periculosidade.





 Com informações da Delegacia de Polícia Civil de São Raimundo das Mangabeiras

Mangabeiras registra aumento nos casos de doenças causadas pelo Aedes aegypti


Foi registrado nos últimos dias, em São Raimundo das Mangabeiras, um aumento no número de casos de doenças relacionadas ao mosquito Aedes aegypti, como dengue, chikungunya e vírus zika. A partir de reivindicação da Secretaria Municipal de Saúde, a regional de saúde disponibilizou dois carros fumacê para atuar na cidade, objetivando combater os mosquitos adultos, trabalho que iniciou nessa quarta-feira, 13, e deve se repetir por mais duas vezes.

O coordenador da Vigilância Epidemiológica do município, Anildo Costa, disse que a proliferação dos mosquitos ocorreu principalmente devido a caixas d’água descobertas e que a grande quantidade de casos é o que enseja a atuação dos carros fumacê. Ele esclareceu ainda que a Secretaria de Saúde realizará nos próximos dias um mutirão de vistorias em caixas d’água.

“Nós estamos fazendo esse trabalho com fumacê para eliminar os mosquitos adultos, em parceria com a regional de saúde, e também, a partir da outra semana, vamos fazer um mutirão de caixa d’água, onde os agentes de saúde e agentes de endemias vão visitar as pessoas à procura de caixas d’água descobertas”, explicou Anildo.

Desde o início do ano, até essa terça-feira, 12, haviam sido registrados 138 casos de doenças relacionadas ao mosquito Aedes aegypti, sendo que a maior incidência ocorreu entre o final de junho e início de julho. Anildo explicou que está ocorrendo uma atualização do número de casos e que a incidência de casos deve estar em “mais de 200 notificações de dengue e chikungunya”.

A Secretaria de Saúde conclama a população para que verifique se os reservatórios de água encontram-se devidamente fechados.

Carros fumacê, da Secretaria de Estado da Saúde, realizarão ações na cidade em três etapas.
Fonte: Prefeitura de São Raimundo das Mangabeiras

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Realizada em Mangabeiras Escuta Territorial do Orçamento Participativo do Governo Estadual


Foi realizada nesta quarta-feira, 13, em São Raimundo das Mangabeiras, Escuta Territorial do Orçamento Participativo (OP) do governo do estado com representantes do Território Cerrado Sul Maranhense, que compreende 16 municípios. Os participantes elegeram três propostas prioritárias para o orçamento de 2017. Uma votação online, a partir de agosto, definirá qual dessas propostas será priorizada para execução.

Propostas Escolhidas pelos participantes:

1 – Modernização e Ampliação dos Serviços de Saúde ( Construção e Manutenção do Hospital e Maternidade Regional de Alta Complexidade, com unidade de Tratamento Intensiva – UTI, para atender a demanda do território. Fortalecimento da atenção básica nos municípios do território).

2 – Conservação e Manutenção de Rodovias (Pavimentação e Conservação das Rodovias Estaduais do território e abertura de Rodovias nos trechos de Feira Nova para Carolina, Formosa da Serra Negra a São Pedro dos Crentes, Sambaíba a Loreto, Loreto a São Felix de Balsas, firmando convênio com os municípios para abertura e conservação das estradas vicinais).

3 – Estruturação das Cadeias Produtivas e Arranjos Produtivos Locais (Implantação de Centro de Difusão de Informação e Tecnologia em Apoio ao Desenvolvimento Sustentável da Agropecuária do Cerrado Sul MA [Com o fortalecimento e Regionalização dos Serviços de Pesquisa, ATER e Defesa Agropecuária]).

As escutas territoriais compreendem uma etapa fundamental do processo de participação popular nas decisões orçamentárias do governo estadual. 

Municípios que integram o Território Cerrado Sul Maranhense: Alto Parnaíba, Balsas, Benedito Leite, Carolina, Feira Nova do Maranhão, Formosa da Serra Negra, Fortaleza dos Nogueiras, Loreto, Nova Colinas, Riachão, Sambaíba, São Domingos do Azeitão, São Félix de Balsas, São Pedro dos Crentes, São Raimundo das Mangabeiras e Tasso Fragoso.

Compuseram a mesa de abertura da escuta Territorial de São Raimundo das Mangabeiras: Gilvan Alves, Superintendente de Orçamento Participativo da Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular; Felix Resplandes, Superintendente da Secretaria de Comunicação e Assuntos Políticos na Regional do Baixo Balsas; Marcio Rego ,Superintendente da Secretaria de Comunicação e Assuntos Políticos na Regional de Balsas; Claudio Braga, Assessor Especial da Secretaria de Estado de Planejamento; Angelina Costa, vereadora de São Domingos do Azeitão; Pedro Paulo, Coordenador do Território de Desenvolvimento Rural Sustentável Cerrado Sul Maranhense; e Aldecy Leite, representante da FETAEMA no Cerrado Sul Maranhense.

Escutas territoriais

Nas Escutas Territoriais os participantes têm a oportunidade de indicar quais propostas (ações) do Plano Plurianual 2016-2019 devem ser priorizadas para o seu território. Três propostas de ações devem ser indicadas em cada Escuta (serão realizadas 15 Escutas Territoriais) para que depois sejam colocadas para votação popular no site Participa MA (www.participa.ma.gov.br). Ao final, a proposta que for mais votada por território será encaminhada ao Governo Estadual para fazer parte do Orçamento Estadual de 2017.

Para saber mais sobre as escutas territoriais, acesse o site: www.participa.ma.gov.br



domingo, 10 de julho de 2016

São Raimundo das Mangabeiras sediará escuta territorial do orçamento do governo estadual


São Raimundo das Mangabeiras será uma das 15 cidades a sediar escutas territoriais do Orçamento Participativo (OP) do governo do estado. O evento será no dia 13 de julho, a partir das 12h, no Campus do IFMA e deverá contar com a presença de representantes de 16 municípios do Território Cerrado Sul Maranhense.

As escutas compreendem uma etapa fundamental do processo de participação popular nas decisões orçamentárias do governo estadual.

Municípios que devem participar da escuta do Cerrado Sul: Alto Parnaíba, Balsas, Benedito Leite, Carolina, Feira Nova do Maranhão, Formosa da Serra Negra, Fortaleza dos Nogueiras, Loreto, Nova Colinas, Riachão, Sambaíba, São Domingos do Azeitão, São Félix de Balsas, São Pedro dos Crentes, São Raimundo das Mangabeiras e Tasso Fragoso.

Por que é importante a sua participação?

Nas Escutas Territoriais você tem a oportunidade de indicar quais propostas (ações) do Plano Plurianual 2016-2019 devem ser priorizadas para o seu território. Três propostas de ações devem ser indicadas em cada Escuta (serão realizadas 15 Escutas Territoriais) para que depois sejam colocadas para votação popular no site Participa MA. Ao final, a proposta que for mais votada por território será encaminhada ao Governo Estadual para fazer parte do Orçamento Estadual de 2017.

As Escutas Territoriais são reuniões presenciais realizadas com a população dos municípios correspondentes a cada território para que as pessoas possam participar das decisões referentes ao orçamento anual do Estado.

Para saber mais sobre as escutas territoriais, acesse o site: www.participa.ma.gov.br



sábado, 9 de julho de 2016

IFMA de Mangabeiras se destaca em eventos de fomento a projetos tecnológicos


O Campus São Raimundo das Mangabeiras vem se destacando na realização e participação em eventos científicos voltados a projetos tecnológicos. Depois de ter conquistado premiações em diversas categorias do Seminário de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (SEPPIE 2016), ocorrido em abril, a comunidade científica do campus organizou a primeira edição do Seminário de Pesquisa, Extensão e Inovação do Cerrado Sul Maranhense (SEPEICESMA), que enfocou este bioma na região Sul do Maranhão.

Com o tema “O Cerrado em Foco”, o SEPEICESMA ocorreu no período de 15 a 17 de junho, com coordenação do professor Cristóvão Colombo Couto. Promovido com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa a ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), o evento teve a finalidade de integrar diferentes segmentos da sociedade – comunidade acadêmica de instituições de ensino, pesquisa e extensão, setor público e agricultores familiares, dentre outros –, que debateram sobre questões pertinentes ao Cerrado, como a produção agropecuária sustentável, agricultura familiar, unidades de conservação, agroecologia, sociobiodiversidade.

A programação incluiu palestras, minicursos, oficinas, além de exposição de trabalhos de pesquisa e extensão, e o Seminário teve ainda o Espaço Mangabeiras de Inovação, dedicado ao empreendedorismo inovador, onde foram expostos produtos da agricultura familiar do Sul do Maranhão. Outro diferencial do SEPEICESMA foi a Mostra Tecnológica, evento que apresentou à comunidade produtos, processos, protótipos e serviços inovadores desenvolvidos no IFMA, sendo pela primeira vez realizado de forma local, por um campus do Instituto, com produtos de pesquisadores da própria unidade. O trabalho “Aquaponia 14 Bis”, de Claude Brito, obteve a primeira colocação na Mostra, ao apresentar um sistema de módulos integrados de criação de peixes e cultivo de hortaliças. As outras duas premiações foram para pesquisas que resultaram em uma chocadeira automática de baixo custo e na produção de uma geleia que combina os sabores do maracujá com pimenta.

Segundo os organizadores, a proposta de realizar o SEPEICESMA foi promover a discussão sobre a importância do bioma Cerrado, assim como para buscar soluções para conter o desmatamento e melhorar a vida da comunidade. Vegetação típica de locais com estações bem definidas (alternando épocas chuvosas e secas) e solo arenoso, o Cerrado Sul Maranhense abrange 33 municípios e se situa na área de transição de três regiões brasileiras (Norte, Nordeste e Centro-Oeste), ocupando cerca de 10 milhões de hectares, que correspondem a 30% do território do estado. Movimentos ambientalistas e a população têm mostrado preocupação com as mudanças causadas pelo desmatamento do bioma desde a década de 1990.

SEPPIE 2016

Para além do contexto local, as iniciativas de pesquisa, extensão e inovação desenvolvidas no Campus Mangabeiras alcançaram posições de destaque no SEPPIE 2016, que ocorreu em São Luís de 5 a 8 de abril, no Campus Maracanã, englobando a produção de todo o Instituto. No Workshop promovido pela Pró-reitoria de Extensão (PROEXT), foi premiado como melhor trabalho o minicurso coordenado por Raíssa Almeida Gomes, técnica em Alimentos e Laticínios. O projeto de extensão abordou as boas práticas de manipulação para estabelecimentos processadores de carnes e derivados de Mangabeiras, tendo como público-alvo comerciantes e trabalhadores que lidam com a manipulação desse tipo de produto.

O minicurso vencedor do Workshop PROEXT abordou temas como riscos princípios de segurança no trabalho de produção e manipulação de carnes e derivados, desde o recebimento da matéria-prima ao ponto de venda, assim como as competências dos órgãos de fiscalização e regularização do setor. “O curso foi de muito aprendizado e saí mais encorajada a colocar em prática os conhecimentos adquiridos”, disse Maria Hermildes da Silva Nunes, proprietária de um açougue na cidade, informando ter sido sua primeira participação em um projeto dessa natureza. A coordenadora Raíssa Gomes também destacou o pioneirismo de oferecer o curso, que por meio de orientação e conscientização possibilitou a produção de alimentos seguros e de qualidade para o consumidor, além de contribuir para o desenvolvimento e crescimento do setor.

No segmento das startups, a plataforma de aprendizado de matemática básica Calculearn, desenvolvida pelo professor de Informática Sebastião Ricardo Costa Rodrigues, obteve o segundo lugar no Desafio de Ideias do SEPPIE 2016. Este concurso de aceleração de negócios compôs a programação paralela do Universo IFMA, juntamente com a Mostra Tecnológica e a Fábrica de Jogos. A concepção do Calculearn partiu da necessidade de formar crianças, além de ajudar jovens e adultos a trabalhar de maneira divertida com matemática básica. Através de um jogo (ou plataforma gamificada), é possível aprender e aumentar a capacidade de resposta às quatro operações básicas, e ainda em cálculos envolvendo potenciação, radiciação, frações, porcentagens, trigonometria, e outros conhecimentos matemáticos necessários para o avanço nos estudos e para uso cotidiano.

Os trabalhos de estudantes dos cursos técnicos e de graduação do Campus Mangabeiras também foram agraciados com premiações no SEPPIE 2016, no Seminário de Iniciação Científica (SEMIC). No Ensino Médio, o primeiro lugar foi conquistado por um projeto na área das Ciências Biológicas e Agrárias, voltado à avaliação de diferentes cultivares de milho híbrido cultivados no sul do Maranhão. O trabalho foi realizado pelos bolsistas Daniel Barbosa de Santana, Elias Oliveira Neto e José Iglésio Sousa Filho, com orientação do professor Marcio da Silva Vilela. No campo das Engenharias, o bolsista Miqueias de Lima Ramos, orientado pela pesquisadora Alexsandra dos Anjos Silva Nascimento, obteve a segunda colocação com sua análise da microestrutura do aço inoxidável austenítico, utilizado em implantes ortopédicos, ao ser submetido a ensaio de torção a quente. Já no ensino superior, foi premiado na terceira posição o projeto sobre uso e manejo de plantas nativas que integram a alimentação das comunidades no entorno do Campus Mangabeiras, desenvolvido pela estudante Tatiana de Souza Barros, que teve Miquéias Oliveira de Souza como orientador.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...