segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Realizada formatura de Oficina de Cabeleireiro do CRAS de São Raimundo das Mangabeiras



A Prefeitura de São Raimundo das Mangabeiras, através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), órgão vinculado à Secretaria de Assistência Social, realizou, na sexta-feira, dia 08 de dezembro, a formatura de uma Oficina de Cabeleireiro realizada pelo CRAS. A Oficina teve início no mês de setembro e formou 48 pessoas.

A festa foi realizada no Clube de Mães, contando com a presença de autoridades municipais, parentes e amigos dos formandos. O momento solene foi marcado por muitas emoções, visíveis no olhar de cada concluinte. A noite contou com desfile, momento em que foram apresentados resultados práticos das técnicas aprendidas na oficina, entrega dos certificados aos formandos e parceiros da oficina, além de homenagens.

“Sucesso, profissionalismo, competência, que tudo dê certo a partir de agora, que vocês possam, através desse curso de cabeleireiro, somar e agregar valor na renda familiar de vocês”, disse o Prefeito Municipal, Rodrigo Coêlho, em vídeo apresentado no evento. O Prefeito não pôde participar da formatura devido a compromissos fora do Município.

A Secretária de Assistência Social, Lineia Costa, destacou que a Prefeitura Municipal vem buscando garantir os direitos dos cidadãos, tendo responsabilidade social. “O social é isso, é fazer garantia de direitos, o direito de cada cidadão à qualidade de vida”, disse.

A oficina foi ministrada por Tia Rose, cabeleireira com experiência em cursos na área, com duração de cerca de dois meses, com encontros duas vezes por semana. Além das atividades no local da oficina, no CRAS, foram desenvolvidas atividades práticas extraclasse, como participação na Campanha Outubro Rosa, com oferta de serviços na UBS Alice Farias, e um dia de Dia de Ação Social no Povoado Torre, com a garantia de acesso gratuito a diversos serviços de cabeleireiro, bem como a distribuição de cestas básicas e roupas.

Com a Oficina, a Gestão Municipal garante mais oportunidades de trabalho e autonomia, ajudando no desenvolvimento econômico e social, garantindo aumento da renda e da qualidade de vida aos mangabeirenses.


A Prefeitura de São Raimundo das Mangabeiras, através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), órgão... Publicado por Prefeitura de São Raimundo das Mangabeiras em Segunda, 11 de dezembro de 2017


sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

IFMA Campus São Raimundo das Mangabeiras desenvolve setores produtivos diversificados


Com marcante vocação para a oferta de cursos na área das Ciências Agrárias, o campus do IFMA em São Raimundo das Mangabeiras reforça o aprendizado do corpo discente com a aplicação de uma variedade de tecnologias voltadas para os setores do campo.

Um dos destaques é o chamado “Sisteminha”, uma tecnologia de produção integrada de alimentos. Desenvolvida pela Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa), essa solução tecnológica consiste na integração da piscicultura com o cultivo de hortaliças e outras culturas escolhidas pelo produtor. “O Sisteminha é uma tecnologia desenvolvida primordialmente para combater a fome”, considerou o professor Pedro Felipe Ribeiro Araújo, coordenador dos cursos de Agropecuária e Meio Ambiente, e responsável pela implantação do sistema no Campus Mangabeiras.


Sobre o funcionamento da tecnologia, Pedro Araújo explicou que o tanque de peixe gera nutrientes através das sobras de ração e fezes das espécies para a água, que normalmente são perdidos para o meio ambiente. Como o Sisteminha integra o tanque às culturas vegetais, evita-se esse descarte, pois os nutrientes são aproveitados pelas plantas, agregando valor à produção de alimentos e garantindo soberania alimentar aos produtores e usuários.

Os setores bovino, caprino, avícola e aquícola já estão disponíveis para a utilização pelos alunos em aulas práticas. O núcleo de bovinos se situa na Fazenda Paraíso, anexo ao prédio central do IFMA. Segundo Rafael Soares dos Anjos, médico veterinário do Campus Mangabeiras, na propriedade se cria gado de corte e leite, para uso nas atividades de ensino, pesquisa e extensão. “São práticas rotineiras no setor de bovinos: vacinação, vermifugação, aplicação de mosquicida, marcação, estimativa de idade e peso, ezoognósia”, disse ele, informando que a estrutura do setor dispõe de curral para manejo dos animais, além de 6 hectares de pastagem cultivados para a alimentação do gado.



Construído no próprio Campus, o aprisco (espécie de curral) já conta com 15 animais, sendo três ovinos e 12 caprinos. Eugênio José Ferreira da Silva, técnico em Agropecuária, explicou que a estrutura, do tipo ripado suspenso, tem capacidade para 80 animais, sendo composta de curral de manejo com divisões, além de um brete (compartimento onde se retém o gado com segurança para exames e tratamento veterinário, ou para ser marcado) para as aulas práticas com os alunos. “A construção do aprisco começou com a política de parceria com diversas instituições”, disse o técnico, referindo-se ainda à doação de 10 metros cúbicos de madeira pela unidade do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Piauí.



Quanto às unidades pedagógicas de avicultura (postura e corte), servem de apoio às aulas práticas de disciplinas do curso Técnico em Agropecuária, além de campo de estágio para os alunos e apoio à pesquisa. “Vale ressaltar a importância do setor como vitrine tecnológica para a agricultura familiar local”, observou Glenda Lima de Barros, médica veterinária do Campus Mangabeiras. Ela ressaltou que a avicultura de corte e postura tem importância significativa na produção de proteína animal, pois a carne de frango e ovos de galinhas são responsáveis por mais de 30% do total de proteína animal consumida no mundo, de acordo com dados da Organização para a Agricultura e Alimentação (FAO, na sigla em inglês).

Atualmente, o setor avícola do Campus Mangabeiras reúne 200 aves poedeiras e 150 aves de corte, adquiridas por compra institucional a partir do planejamento do setor. A origem das poedeiras é da linhagem GLB Brown, caracterizada pela rusticidade e alta produtividade de ovos. Já as espécies de corte compreendem as raças “pescoço pelado” (PSC), a mais criada no Brasil e de fácil manejo para criatório a campo, e “pesadão vermelho” (CPK), que apresenta ótimo ganho de peso em relação ao consumo de ração.

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Procon faz “mais com menos” e aumenta atendimentos em 1.000%, diz Flávio Dino


“Uma diretriz do Governo é fazer mais com menos. Vivemos um momento de restrições financeiras e ficamos satisfeitos quando essa diretriz é atendida”, disse o governador Flávio Dino durante entrega de três Unidades Móveis do VIVA/Procon na manhã desta segunda-feira (4) no Palácio dos Leões. Na ocasião, ele comemorou com sua equipe a redução de mais de 70% dos gastos e aumento superior a 1.000% da produtividade do órgão.

Desde 2015 até o último mês de novembro, o VIVA/Procon acumulou 737.375 atendimentos, o que representa um ganho de 1.232,52% em prestação de serviços à população, se comparado a gestão anterior. Tudo isso com uma economia de 71,93% dos recursos.

De acordo com Flávio Dino, o resultado foi alcançado a partir da otimização dos recursos, com a revisão rigorosa dos contratos de locação e serviços. Isso permitiu o investimento em novos equipamentos e modernização do atendimento.

“Quando dizemos fazer mais com menos é fazer com transparência, fazer com probidade, com honestidade”, explicou Dino. “O desempenho do VIVA/Procon mostra que, quando se tem pulso firme, seriedade, acompanhamento, a gente consegue diminuir custos de terceiros e com isso investir na prestação de serviços à população”, ressaltou.

Segundo o governador, a aquisição de unidades móveis e a ampliação da rede física em todas as regiões do estado atendem ao princípio da eficiência da administração pública, direito garantido ao cidadão na Constituição Brasileira.

A melhoria do atendimento do VIVA/Procon representa, também, mais acesso à cidadania. “Havia uma escandalosa barreira econômica e geográfica ao exercício de direitos básicos como dispor de uma carteira de identidade, um CPF, tirar uma segunda via de um documento; documentos estes que são pré-condições para o exercício de outros direitos”, frisou Dino.

Mais IDH

Por meio da atual gestão, subiu de cinco para 35 as Unidades Fixas do VIVA/Procon, distribuídas em todas as regiões do estado. O investimento nas três Unidades Móveis entregues nesta segunda reforça o atendimento nas cidades mais distantes.

“Vamos poder atender os municípios mais longínquos, de menor IDH, que ainda não contam com estruturas físicas de atendimento, garantindo direitos a todos os maranhenses”, disse Duarte Júnior, presidente do VIVA/Procon. “Nosso objetivo é garantir um atendimento com qualidade, conforto e segurança para todos os cidadãos”, afirmou.

Rede ampliada
Com as novas entregas, o órgão passa a dispor de nove veículos, entre unidades móveis e viaturas. Modernas e bem equipadas, as novas carretas permitem acesso a cadeirantes, com plataforma elevatória e rampas, e capacidade de 500 atendimentos por dia.

As unidades foram adquiridas com recursos próprios do Fundo de Defesa do Consumidor, administrado pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop).


Fonte: Governo do Maranhão

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Síntese da Sessão da Câmara de Vereadores de Mangabeiras do dia 04 de dezembro de 2017


Foi realizada na segunda-feira, 04 de dezembro, mais uma Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de São Raimundo das Mangabeiras no ano de 2017. Estavam presentes os vereadores (as): Ailton Costa, Catré, Cobra, Emir da Cerâmica, Emerson Cardoso, Irmão Leonardo, Mauricio Dião, Nonato da Papelaria e Professor Edivaldo.

Justificada a ausência do Vereador Júlio da Foto Layser – Por estar em Brasília para participar do 10º congresso Brasileiro de Vereadores e da Conferência Nacional de Assistência Social – e da Vereadora Alessandra Alvarenga.

Durante a Sessão foi aprovado o Projeto de Lei Nº 023/2017, que dispõe sobre o Plano Plurianual (PPA) para o período 2018-2021 no Município de São Raimundo das Mangabeiras e dá outras providências.

Confira, AQUI, síntese das falas dos vereadores e demais participantes da sessão.

A câmara de São Raimundo das Mangabeiras realiza todas as segundas-feiras as sessões ordinárias, a partir das 19 horas. As sessões são abertas ao público.

Todas as quartas-feiras, a Rádio Comunitária FM Rio Neves transmite um resumo das sessões a partir das 10:30 horas. A rádio transmite na frequência 87,9 MHz, podendo ser ouvida também pela internet em www.fmrioneves.com.br

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Em Sambaíba, obra da ponte sobre o Rio Balsas segue em ritmo acelerado



A obra da ponte sobre o Rio Balsas, no Município de Sambaíba, segue em ritmo acelerado. Realizada pelo Governo do Estado do Maranhão, através da Secretaria de Infraestrutura, a ponte, com 174 metros de extensão e 12 metros de largura, facilitará a mobilidade a diversos municípios, entre os quais São Raimundo das Mangabeiras, Loreto, Balsas, Tasso Fragoso, Mirador e até ao estado do Piauí.

Nesta quinta-feira,30, o Superintendente de Articulação Política da Regional do Baixo Balsas, Felix Resplandes, vistoriou o andamento da obra e considerou os serviços avançados. “Nós estamos felizes e agradecemos demais ao nosso governador, ao nosso secretário Clayton Noleto e a todos aqueles que contribuíram e contribuem de forma direta ou indireta para que essa grande obra do governador se concretize rapidamente, para que o nosso povo seja beneficiado”, ponderou Felix Resplandes.

Assista!



O Governo do Estado está investindo mais de R$ 13 milhões para melhorar a mobilidade e dar mais qualidade de vida aos moradores de Sambaíba. A ponte vai gerar impacto direto na vida dos moradores e na economia regional.





Com informações do Governo do Maranhão
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...