quarta-feira, 13 de abril de 2011

Prefeito Francismar Carvalho autoriza implementação de Programas Sociais em Mangabeiras

Prefeito Francismar autorizou os planejamentos dos programas
O prefeito de São Raimundo das Mangabeiras (MA), Francismar Carvalho (PDT) autorizou a implementação de programas sociais no município. O planejamento dos programas começa dia 20 de abril com apresentação das propostas iniciais. A implementação está sob a coordenação do controlador geral do município, Rodrigo Coelho. Ao todo 5 cinco programas sociais devem ser implantados na cidade, beneficiando mais de 1.500 famílias.

Serão implantados os programas, Bolsa Esperança, programa de transferência direta de renda; Meu Lote Meu Sonho, que beneficiará 1500 familias com lotes; Jovem na Universidade, que garantirá bolsas de estudos em universidades; Criança Feliz, que ajudará com kit escolar e o programa Bebê Feliz, que garantirá kit maternidade.

“Com a autorização do prefeito Francismar Carvalho, estamos dando inicio às ações de planejamento dos programas sociais e também o cadastramento das familias que serão beneficiadas” disse o controlador geral do município Rodrigo Coelho.

Todos os programas serão destinados a familias carentes do município, “os critérios serão definidos agora, na fase de planejamento dos programas” disse Rodrigo, acrescentando que os programas “garantirão melhores condições de vida para milhares de familias mangabeirenses”.

Após o planejamento e cadastramento das familias necessitadas, será encaminhado à câmara municipal o projeto de lei com a dotação orçamentária dos programas e a previsão de quantas familias serão beneficiadas.

Programas sociais

Programas sociais ajudam familias pobres a se inserirem na sociedade, distribuindo renda para familias carentes. O maior exemplo recente no mundo é o programa Fome Zero do governo brasileiro, tendo como maior programa o Bolsa Família que segundo o governo, beneficia mais de 12 milhões de brasileiros.

No Maranhão, o estado também mantém programas sociais, como o Viva Água, que segundo o governo, isenta de pagamento os consumidores que gastarem em média 25 m³ de água por mês. A ação abrange atualmente 114 municípios atendidos pela CAEMA, beneficiando 91.101 famílias de baixa renda com água potável.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...