quinta-feira, 15 de março de 2012

Professores de São Raimundo das Mangabeiras e Sambaíba aderem à paralisação nacional da educação

Os professores das redes municipal e estadual em São Raimundo das Mangabeiras aderiram à paralisação nacional dos educadores que acontece desde quarta feira, dia 14, e vai até sexta feira, dia 15. No municipio vizinho, Sambaíba, apenas os professores da rede municipal aderiram à paralisação, que tem como revindicações: o cumprimento do piso nacional da educação, plano de carreira e destinação de 10% do PIB (Produto Interno Bruto) para a educação.

Na quarta feira, dia 14, professores dos dois municípios se reuniram em frente ao Centro de Ensino São Raimundo Nonato, em São Raimundo das Mangabeiras.

Professores de todo o Brasil participam da paralisação. A greve é organizada, no Maranhão, pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública (Sinproesemma).

Professora Edinalva Solino e o Professor Felix Resplandes, presidente do núcleo sindical do Sinproesemma em São Raimundo das Mangabeiras.

Professores de São Raimundo das Mangabeiras e Sambaíba participaram da primeira noite de Manifestação

O presidente do Sinproesemma em São Raimundo das Mangabeiras, Felix Resplandes, fala durante ato da paralisação nacional dos professores realizado no município.

Professora Ana Zefinha, de São Raimundo das Mangabeiras, fala durante ato da paralisação nacional dos professores realizado no município.   


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...