segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Adelmo Oliveira participa de evento em São Paulo sobre ‘O Futuro da Agricultura no Brasil’

Adelmo Oliveira falou sobre o trabalho desenvolvido na Fazenda Santa Luzia, em São Raimundo das Mangabeiras, com o sistema ILPF.
A sustentabilidade e as certificações na cultura de soja foram o tema do evento promovido pela Associação Internacional de Soja Responsável (RTRS), em São Paulo, com o tema “O futuro da agricultura no Brasil”. O encontro, realizado no dia 07 de outubro, foi o 10º da RTRS no Brasil, reunindo especialistas do setor, membros da associação e público em geral. O agrônomo Adelmo Oliveira, gerente da Fazenda Santa Luzia, representou o empreendimento no evento. A Fazenda Santa Luzia é destaque nacional na implantação do sistema ILPF (Integração Lavoura-Pecuária-Floresta).

O coordenador do programa ILPF (Integração Lavoura-Pecuária-Floresta) da Embrapa Meio-Norte para a região de MATOPIBA, Marcos Teixeira, apresentou este modelo de produção que alia sustentabilidade com aumento de produtividade. “Isso é possível graças à adoção de técnicas e práticas, aumentando a produtividade em relação à monocultura de soja. É possível produzir mais na mesma área, acumular carbono e contribuir assim para a questão das mudanças climáticas globais”, disse.

A Fazenda Santa Luzia, em São Raimundo das Mangabeiras, é exemplo de um empreendimento que pratica a ILPF, que permite produzir mais, por mais tempo e ocupando menos espaço de terra. Do produtor Oswaldo Massao Ishii, a fazenda está em processo de certificação e deixou de praticar a monocultura de soja há 10 anos e passou a adotar a rotação de culturas e criação de gado, o que melhorou o rendimento da propriedade. A mudança permitiu agregar valor à fazenda e implementar a pecuária dentro do processo produtivo, fornecendo renda o ano inteiro. Segundo Adelmo Oliveira Gomes, Gerente da Fazenda Santa Luzia, a certificação virá como um prêmio. “Almejamos a certificação e estamos investindo para isso, tanto em melhorias físicas quanto técnicas. O reconhecimento que teremos será extremamente gratificante”.

De acordo com Daniel Meyer, gerente de Desenvolvimento de Mercado da RTRS no Brasil, ainda há um longo caminho para ser percorrido, mas a produção de soja responsável já é uma realidade brasileira e as expectativas são muito positivas. “O Brasil conta com um milhão de tonelada de soja certificada até o momento. A previsão é de que encerremos o ano com a marca de 1,25 milhão de toneladas”, afirmou.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...