quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Ministro Raimundo Carreiro toma posse como presidente do TCU


Tomaram posse, nesta quarta-feira (14), o novo presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Raimundo Carreiro, e o vice, ministro José Múcio Monteiro. A eleição que os levou a presidência aconteceu na quarta (7), na última sessão plenária do ano. Eles assumem o mandato de 2017, podendo haver recondução para 2018.

“Para cumprir o propósito de alinhar a atuação dos órgãos de controle e intensificar o combate ao desvio de recursos, assumo a presidência deste Tribunal em um contexto organizacional muito favorável. Isso, é claro, só é possível em decorrência do empenho das gestões dos presidentes que me antecederam”, destacou Carreiro em seu discurso de posse (Leia aqui o discurso completo).

Carreiro disse ainda que “é legítimo e saudável que a sociedade questione o uso dos recursos públicos. Isso é controle social. E esse comportamento se faz necessário para o fortalecimento da democracia. Exige que a própria administração se reinvente, seja mais transparente e busque alternativas e soluções para almejar o bem comum”.

Como ministro do TCU, Raimundo Carreiro conduziu a relatoria de 14.480 acórdãos. Entre 2011 e 2016 concedeu 1.454 audiências, média de 291 por ano, e nos últimos quatro anos presidiu integralmente 156 sessões colegiadas.

Temer cumprimenta Raimundo Carreiro, que comandará a corte de contas. Foto: Marcos Corrêa/PR.

Trajetória de vida

Natural de Benedito Leite, Raimundo Carreiro viveu sua infância no Povoado Canto Grande, em São Raimundo das Mangabeiras, de onde partiu para Brasília, onde se formou em direito pelo UniCEUB em 1981. Raimundo Carreiro é considerado filho ilustre de São Raimundo das Mangabeiras por seus serviços prestados ao município, onde foi vereador e presidente da câmara. Foi funcionário público do Senado até sua aposentadoria como Analista Legislativo em 2007, quando ocupava o cargo de Secretário-Geral da Mesa do Senado desde 1995, nomeado por José Sarney. Quando da aposentadoria do ministro Iram Saraiva do Tribunal de Contas da União, coube ao Senado indicar o substituto. Pela primeira vez, um servidor do Senado foi indicado ao posto. Seu nome foi escolhido por unanimidade, sendo, inclusive, dispensado a sabatina.

Formado em Direito pelo Ceub, em Brasília, em 1981, Raimundo Carreiro foi servidor do Senado até se aposentar como Analista Legislativo em 2007. Naquele ano, ocupava o cargo de secretário-geral da Mesa, nomeado pelo senador José Sarney. Ainda em 2007 foi indicado para a vaga destinada ao Senado no TCU. Entre 1990 e 1992, foi vereador e presidente da Câmara Legislativa de São Raimundo das Mangabeiras.

Acesse o currículo completo do ministro Raimundo Carreiro 

O ex-presidente do Tribunal de Contas da União, Aroldo Cedraz, empossa o novo presidente Raimundo Carreiro Marcos Correa/PR.

Presidente Michel Temer, Aroldo Cedraz (antigo presidente do TCU) e Raimundo Carreiro, novo presidente do órgão. Foto: Palácio do Planalto.


Com Informações do Tribunal de Contas da União

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...