quinta-feira, 28 de novembro de 2013

IFMA, Campus de São Raimundo das Mangabeiras, realiza atividade relacionada ao dia da Consciência Negra

Os professores do IFMA, Campus de São Raimundo das Mangabeiras, Carlos Reis, Daisy Damasceno e Cleumir Pereira, desenvolveram atividades, com os alunos do ensino médio, relacionadas ao dia Nacional da Consciência Negra, buscando conscientizar os alunos para a importância da data. Nesta quarta feira, 27, foi realizada uma programação de encerramento das atividades, que contou com apresentações de trabalhos dos alunos do 2º ano, musicas sobre o tema e recitação de poemas. O Dia Nacional da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro no Brasil e é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira.

Os Professores envolvidos com o projeto, avaliam positivamente a atividade, que faz parte das programações do NEABI (Núcleo de Estudos Afro-Brasileiro e Índios Descendentes).

“É uma avaliação muito positiva, primeiro porque é um trabalho que vem sendo feito em sala de aula... Existe uma lei, que é a lei 10.639 de 2003, que torna obrigatório o ensino da história africana e afro-brasileira nas escolas e que institui a data, 20 de novembro, como uma data que deve ser inserida como uma data oficial do calendário escolar. Existe um mito de que nós vivemos em um país que não tem preconceito, mas, nós sabemos que, o preconceito existe e os alunos precisam trabalhar isso em sala de aula”, destaca a Professora Daisy.

“A escola continua na rua, na comunidade, ela continua na vida real das pessoas. Então, no memento em que se faz um trabalho dentro das quatro paredes da escola é interessante, é fundamental, que esse trabalho seja socializado, seja compartilhado com a comunidade... A escola transcende os limites físicos e vai para a rua e, ao ir para a rua, ela acaba também ajudando nesse processo de educação das pessoas”, destaca o Professor Carlos Reis.

Ainda relacionado ao tema afro-descendência, Cleumir e Carlos Reis estão desenvolvendo o projeto de pesquisa e extensão "Roda de Conversa como Espaço de Resgate de Cultura e Cidadania.

Dentro da programação do projeto foram realizadas rodas de conversa durante a Semana de Ciência e Tecnologia, realizada em outubro, e uma roda de conversa no povoado Brás, no dia 19 de novembro, onde foi discutido a questão da dança de São Gonçalo e de São Benedito, tradicionais na comunidade.

“Lá, nós discutimos, especificamente, a memória da comunidade do Brás, um pouco da história e também a concepção da dança de São Gonçalo e de São Benedito para aquela comunidade. Então, são culturas que trazem o legado da cultura afro-brasileira e, com certeza, nós precisamos resgatar essa memória, essa história e também divulgar para os alunos e para a comunidade em geral de Mangabeiras”, disse o professor Cleumir sobre o projeto.

Atualizado: 30/11/2013 - 09:46 (horário de Brasília)


Reunião realizada no Povoado Brás, no dia 19 de novembro. 
Veja Fotos, de João Batista Passos e Facebook Cleumir Pereira


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...